3 Comentários

N7Player – Review Farofa

Alô você, meu amigo, minha amiga. Você, usuário de smartphones com o sistema do robozinho verde, comumente chamado de Android. Está de volta o grande, o maravilhoso, o esplêndido, o atrasado Review Farofa de Music Players para Android!

Sim, estive meio afastado dessa questão por motivos que serão explicados posteriormente. Para o momento, vamos ao n7player. (Tenho uma certa revolta por nomes que não começam em letras maiúsculas, mas continuemos.)

O n7p é avaliado em 4,7 estrelas por 39.889 de seus usuários no Google Play. E por que eu demorei tanto pra falar dele?

O n7p é um app muito bonito. Principalmente se você gosta de preto. Ele é bem “dark”, ótimo para os góticos. Nada contra esses, aliás. É apenas uma ideia. Eu também gosto de preto e gostei bastante do visual do app.

Tela principal do n7player

Eu gostei. Você não? Fazer o quê, né?

Gostei bastante da ideia de colocar os nomes dos artistas no estilo “nuvem de tags” que tem em alguns blogs desse mundão por aí. Era algo perigoso de se fazer (Quem nunca viu aquela “nuvem de tags” e pensou “que merda é essa?” atire a primeira pedra. Não vale pra quem tem uma dessas no blog.), mas eles fizeram muito bem. Os nomes não ficaram apertados, mesmo num celular de tela pequena, pois são roláveis. Ou seja, Art Popular e ZZ Top dificilmente aparecerão na mesma tela.

Outra coisa interessante dessa “nuvem de nomes”, que também existe na de tags, é que os nomes de bandas/artistas que você tem mais músicas ficam maiores do que os outros. Nada que te impeça de encontrar aquela única música dos Beatles que você mantém como toque de celular apenas para dar uma de “cool”.

Mas essa não é a única forma de navegar na sua biblioteca. Temos uma “estante” de álbuns, onde você vê as capas de todos os que você pirateou comprou e colocou no seu aparelho. E, se mesmo assim, você não estiver encontrando aquele hit do Molejão, que é melhor que Beatles, diga-se de passagem (supondo que Beatles seja bom para que Molejão seja melhor), temos como visualizar os artistas, álbuns, músicas, playlists e tudo o mais pelo Music Catalog, um navegador mais próximo dos padrões de tocadores de música.

Tocando, o player pode manter a capa do álbum na tela ou voltar para a nuvem de artistas/estante de álbuns. Ou você pode ficar olhando para a playlist. Você decide como vai ser. Pode até voltar para a página inicial. E aí entra um dos problemas se você não tiver fuçado as configurações: pressionando o botão de voltar, ele vai fechar o aplicativo, não apenas minimizar. Eu sempre pensei que o “minimizar” deveria ser padrão, mas não é o que pensam os desenvolvedores do n7p. Claro, nada contra. Tem gente que realmente prefere que o aplicativo seja encerrado, pra economizar memória, bateria, etc.

O n7player pode manter, também, um widget na lockscreen (“um miniaplicativo na tela de bloqueio”), responsável por mostrar as opções para pausar/tocar a música, avançar para a próxima faixa, retroceder uma faixa, a capa do álbum e, segundo a imagem no GPlay, o horário, o nome da banda, o da música e o do álbum. Uma pena que no meu aparelho, um Motorola XT316, os nomes do artista e da música ficam atrás da arte do álbum. Isso, além de não mostrar o horário, fazendo com que eu destrave o aparelho apenas para ver as horas.

n7p na Lockscreen

Ficaria feliz se ficasse dessa forma no meu aparelho.

Para os usuários mais chatos, como eu, temos o equalizador, que não cheguei a testar, mas deu “piti” com o equalizador externo que utilizo. Temos, na tela de “settings”, opções como a configuração da busca de arte dos álbuns, opções para os botões do fone de ouvido, etc. Temos, também, como permitir que a música continue tocando após uma ligação que você recebeu interrompendo sua apreciação da 4ª sinfonia de Beethoven. Mas se você pretende desplugar o fone de ouvido e, ao colocá-lo de volta, continuar a escutar sua música, pode esquecendo. O n7player não faz isso. Sim, pode fechar a boca. Também fiquei impressionado.

Felizmente, o aplicativo tem um ponto MUITO bom, na minha opinião, que nenhum outro player, dos que testei nesse tempo, possui: controles na tela de notificações! Isso, aquela telinha que você puxa do topo do seu aparelho. Tudo bem que são apenas dois botõezinhos, pause e next, mas já é o suficiente pra quem tá escolhendo o filtro que vai usar na foto do copo da Starbucks, que vai para o Instagram, e quer passar aquela musiquinha do Arctic Monkeys que já tá ficando muito “mainstream”.

Mas, após 14 dias temos um problema MUITO grande para o cara que só quer um aplicativo que funcione sem testar a paciência do usuário: o teste da versão full, que você só agora percebeu que está fazendo, acaba. E aí, amigo, não há quem aguente.

O que aconteceu comigo, após esse período, foi ficar sem a funcionalidade dos botões nas notificações e, o mais chato de tudo, toda vez que abro o player, aparece aquela telinha avisando que o período de “trial” acabou. Por mais que ele já esteja em funcionamento, tocando o último álbum do Metallica que baixei, sem pena ou remorso, a tela aparece. Então, você se vê de frente para uma bifurcação onde a placa da esquerda diz “esqueça esse app” e a da direita diz “compre esse app”.

Não compre antes de ler o Review Farofa do próximo player: Poweramp. Só pra você ficar curioso, quase desisti de analisar o n7player só porque não queria parar de usar o Power.

Então, no final das contas, temos um player muito bom, mas não tão bom para quem quer algo grátis. Ele fica muito chato se você decidir não pagar.

Nota: 3,5 de 5.

Logo teremos o próximo review. Aguarde!

Observações:

Todas as imagens desse post foram gentilmente copiadas do próprio Google Play. Não sei se pode, a página dos termos está totalmente bugada.

O estilo de escrita, que pode parecer um pouco diferente, ainda mais pelas referências a hipsters, Beatles e Molejão, é fruto da volta para casa ouvindo o último podcast do Puxa Cachorra, que você DEVE ouvir clicando aqui: aqui, e do estudo do Fábio Gerônimo sobre culturetes (também conhecidos como hipsters) que você DEVE ler clicando bem aqui –> aqui.

Anúncios

3 comentários em “N7Player – Review Farofa

  1. […] N7Player (Google Play) Compartilhe!Gostar disso:GosteiSeja o primeiro a gostar disso. Tags: Android, Áudio, Farofa, Música, Players, Players para Android, Review Link permanente […]

    Curtir

  2. Esse player não toca músicas ‘copiadas’ de CD. Sou meio dinossauro, ainda tenho diversos CDs antigos na coleção e muitas das minhas musicas do Android foram copiadas e não baixadas. Então o Player não consegue reproduzi-las.

    Curtir

    • Cara, nunca tive problema com isso. Pode ser o tipo de arquivo que é criado quando você copia o CD. Alguns dos MP3 que tenho são copiados de CDs, mas tem players que só tocam MP3 e não WMA ou FLAC.

      Porém, se não quer ter o trabalho de “recopiar” ou converter os arquivos, recomendo o PowerAMP, que foi o que passei a usar depois de todos esses testes e nunca consegui escrever o review haha Se não me engano, ele toca todos os tipos de arquivo mais utilizados para cópia de CD.

      Abraço! o/

      Curtir

A Farofa Corp. agradece seu comentário.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: